UA-85145501-1

Resenha #10: A Bússola de Ouro – Trilogia Fronteiras do Universo | Philip Pullman

Em 31.05.2015   Arquivado em livros, resenha


Nome: A Bússola de Ouro #1.
Trilogia: Fronteiras do Universo.
Autor: Philip Pullman.
Editora: Objetiva.
Páginas: 370.
Classificação: 5/5
Sinopse: A jovem Lyra se lança numa busca desesperada e enfrenta terríveis obstáculos quando seu amigo Roger desaparece em um universo de fantasias, onde os daemons correm pelas ruas de Oxford e Londres e um redemoinho de poeira misteriosa está por toda parte, tornando possível às crianças conhecerem segredos que os adultos dariam tudo para desvendar. 

Um livro de fantasia, mas que abarca questões bem complexas como religião, viagem no tempo, teorias da conspiração, criação do universo, dentre inúmeras outras.
A história se passa em um mundo muito parecido com o nosso, mas com algumas diferenças importantes. Cada humano possui um companheiro inseparável, chamado Daemons/Dimon¹. uma espécie de espírito que possui a forma de um animal.. Humano e dimon são ligados na vida e na morte. Durante a infância, enquanto a personalidade ainda está sendo moldada, os dimons tem a capacidade de mudar de forma, mas quando seu humano se torna adulto adquire uma forma fixa, a qual geralmente é a expressão do que a pessoa se tornou.

A Faculdade Jordan, em Oxford, Inglaterra, é o lar de Lyra, orfã e com 11 anos. Por morar na universidade, teve uma boa educação e se gaba disso, apesar de não ter dado tanta importância as aulas, preferindo brincar com os meninos da redondeza e com seu melhor amigo Roger. Um dia, ela e seu dimon Pantalaimon (Pan) entram numa sala proibida da faculdade por pura curiosidade e acabam tendo que se esconder lá dentro. Então descobre a existência do misterioso Pó.

Ninguém sabe o que ele realmente é, só que as crianças o atraem com mais facilidade que os adultos. Isso deixa um burburinho no ar. É ai que algo muito estranho começa a acontecer. Por todos os lados do país surgem histórias de crianças desaparecendo sem explicação. Ninguém sabe quem está fazendo isso. Mas Lyra só começa a ficar preocupada com isso, de verdade, quando Roger desaparece, além de outras crianças da região onde mora.

Ela decide então, sair para procurá-lo, mas o aparecimento da Sra Coulter, uma mulher linda e inteligente, a faz esquecer temporariamente de seu amigo. Prontamente decidiu ir para Londres para se tornar assistente dessa interessante e sofisticada mulher. Antes de partir, porém, o Reitor lhe entrega um estranho objeto que se parece com uma bússola, e pede que Lyra o esconda da Sra Coulter. Após fazer descobertas importantes, a menina foge e começa sua jornada para salva as crianças e traze-las de volta para suas famílias. Em meio a isso, finalmente descobre o que é o misterioso artefato que o Reitor lhe dera. Se chama Aletiômetro, que tem a função de dizer a verdade, mas de complicada compreensão, só podendo ser lido por aqueles que possuem um dom especial.

Em meio a feiticeiras e ursos de armadura, Lyra começa a aprender que existe muito mais do que ela sequer imaginava e, mesmo sendo uma criança, chega a lugares e faz coisas que adultos nunca fariam, sempre utilizando de sua inteligência e perspicácia.

Não vou me ater ao filme nesta resenha, pois a adaptação não passou nem perto da essência do livro.

Já comecei a leitura do segundo livro. Ao terminar posto a resenha aqui.

E quais foram suas impressões a respeito do livro/filme?

Beijinhos!!

¹Daemons/Dimon :Estes seres, são uma espécie de personificação da alma humana, são ligados espiritualmente e não suportam a separação, mesmo que momentânea